Estadão

De Real para Realidade

i x Efeitos sonoros
Últimas Notícias

Delator revela R$ 4,8 mi para ‘Pé Grande’

Leia maisFechar
Da Redação 20/11/2017, 14h27 Edmar Moreira Dantas, ex-funcionário de doleiro, entregou ao Ministério Público Federal planilha em que aparece suposta citação ao governador do Rio, revela reportagem da TV Globo; Luiz Fernando Pezão afirma que \'não conhece e nunca esteve\' com denunciante

Pezão. Foto: WILTON JUNIOR/ESTADÃO

O delator Edmar Moreira Dantas entregou ao Ministério Público Federal planilha em que aparece citação a ‘Pé Grande’ e a ‘Grande’, uma suposta referência ao governador do Rio Luiz Fernando Pezão (PMDB), ao lado de valores que somam R$ 4,8 milhões. A revelação foi feita em reportagem da TV Globo.

Dantas disse que é funcionário do doleiro Álvaro José Novis, investigado na Operação Lava Jato e que também fez delação.

Ele disse que ‘pagou propina’ a Pezão, em parcelas que somaram R$ 4,8 milhões.

Receba no seu e-mail conteúdo de qualidade

Logo você receberá os melhores conteúdos em seu e-mail.

A reportagem da Globo obteve com exclusividade acesso a trechos da delação de Dantas.

Os repasses teriam ocorrido entre julho de 2014 e maio de 2015.

Edmar Dantas afirmou aos procuradores que o ‘Pé Grande’ da planilha é o governador. A citação ‘Pé Grande’ ou ‘Grande’ aparece cinco vezes no documento.

Ele disse que é funcionário do doleiro Novis há 20 anos e que, além de corretor de câmbio, cuidava também do controle de planilhas e pagamentos.

Dantas afirmou que ‘a fonte do dinheiro’ era a Fetranspor, Federação das Empresas de Transporte de Passageiros do Estado do Rio.

O delator disse que José Carlos Lavouras seria o responsável pela administração do suposto caixa 2. Pelo menos uma vez por mês, declarou o delator, Lavouras repassava normalmente a programação de pagamentos a serem realizados.

Segundo a reportagem, sobre os pagamentos ao governador, o delator declarou que houve determinação de Lavouras para que a entrega fosse feita via Luís Carlos Vidal Barroso, que seria assessor de Pezão.

Dantas contou que, algumas vezes, os valores eram entregues ‘no meio da rua’ e que o dinheiro ficava em um envelope e em uma mochila

Por meio de sua Assessoria de Imprensa, o governador reagiu com veemência às acusações. O peemedebista disse que ‘não conhece e nunca esteve’ com Edmar Dantas. Ele reafirmou que’jamais tratou de pagamento ou recebimento de recursos ilícitos com qualquer pessoa’.

A Fetranspor declarou que ‘desconhece o teor de uma delação que se refere a fatos supostamente ocorridos antes da posse da atual administração’ e que ‘permanece à disposição das autoridades para prestar esclarecimentos necessários às investigações’.

Lavouras declarou, em nota, que ‘delações são prêmios para criminosos confessos que, reiteradamente, faltam com a verdade e induzem autoridades ao erro’.

R$ 4.800.000,00 = 96 Casas Populares
Linhas existentes - 335 km
Linhas que poderiam existir - 934 km
N

São Paulo

10 km
Vacinas dos últimos anos
Vacinas que poderiam ser compradas
Aedes aegypti - transmissor da Dengue / Chicungunya / Zica
Nº de repelente
14.964 casos de 2013 a 2016
1.125 cartelas de Tamiflu
225 casos por H1N1
Foto: Márcio Fernandes | Fonte base conversão: Estadão

Neste momento em que o País passa por uma situação crítica, com deficiência de serviços públicos básicos, diariamente há um volume de denúncias e suspeitas de desvio de dinheiro de proporções sempre surpreendentes. Milhares, milhões, bilhões. São cifras tão grandes que fica difícil para os leitores entender a real dimensão do problema. Com a ferramenta “De Real para Realidade”, o leitor vai poder interagir com as matérias do jornal, convertendo as quantias em benefícios como vacinas H1N1, ambulâncias, repelentes, casas populares, quilômetros de metrô, entre outros, conectando as notícias de onde o dinheiro desaparece com as notícias de onde ele está faltando.

Fonte base conversão: Estadão
O valor base de conversão de Ambulâncias é de R$ 82.406, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Ambulância: R$ 82.406
O valor base de conversão de Caminhões-pipa é de R$ 516 (15 mil litros), baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Caminhão-pipa: R$ 516 (15 mil litros)
O valor base de conversão de Casas Populares é de R$ 200.000, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Casa Popular: R$ 200.000
O valor base de conversão de Quilômetros de Metrô é de R$ 296.000.000, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Km de Metrô: R$ 296.000.000
O valor base de conversão de Merendas Escolares é de R$ 2,22, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Merenda Escolar: R$ 2,22
O valor base de conversão de Quadras Poliesportivas é de R$ 44.450, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Quadra Poliesportiva: R$ 44.450
O valor base de conversão de Repelentes é de R$ 12, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Repelente: R$ 12
O valor base de conversão de Tamiflus é de R$ 199 (75mg), baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Tamiflu: R$ 199 (75mg)
O valor base de conversão de Vacinas H1N1 é de R$ 120, baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Vacina H1N1: R$ 120
O valor base de conversão de Viaturas Policiais é de R$ 51.266 (Palio Weekend), baseado nas fontes fornecidas pelo Estadão Viatura Policial: R$ 51.266 (Palio Weekend)